segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Policlínica dos Militares de Campos e Região: Sonho ou Pesadelo! Eis a Questão.

A cada dia que passa, vai aumentando as expectativas dos policiais militares, em receberem a tão sonhada policlínica.

A categoria não vê a hora da entrega, para que eles e suas famílias, possam ser atendidos com dignidade na área da saúde.

O que tem deixado os militares preocupados, é a demora da estruturação do prédio da policlínica, que foi inaugurado no ano passado, com promessa para ser entregue em funcionamento no início deste ano, o que não aconteceu.

Este fato inusitado, fez com que as esperanças do funcionamento da policlínica, caíssem por água abaixo, pois todos os militares contavam em serem atendidos com uma maior estrutura na área da saúde, com o funcionamento da referida clínica.

Já passamos mais de 45 dias da instalação da subestação de energia elétrica, que era o que faltava para colocar a policlínica em funcionamento, conforme foi dito a um jornal de nossa cidade de que tudo estava pronto, materiais licitados e que já tinham até escolhido o diretor da policlínica.

E agora? Ta faltando o que? Por que não colocam em funcionamento a policlínica, se já está com todo estrutura pronta.

A categoria já não acredita em mais nada, estão cansados de ouvirem e lerem promessas de que vai funcionar, e não funciona nada. Se tudo estava pronto só esperando a subestação de energia, por que o Comando Geral da PM, não envia os equipamentos logo para colocar em funcionamento á policlínica.

Será que a saúde dos nossos militares está em boas condições, pois o descaso é muito grande, e os policiais estão numa posição de que não acreditam em mais nada e mais ninguém, vivem mendigando atendimentos na rede pública do SUS, quando eles contribuem mensalmente para um fundo de saúde, que recolhe mensalmente, descontando no contra-cheque, e não disponibilizam nada para que o militar possa dar a sua família, um atendimento na área de saúde digno.

até quando vamos ver militares sofrerem com os empréstimos para cuidarem de sua saúde e de suas famílias, até quando vamos ter que ver os nossos militares morrerem por falta de um atendimento médico digno.

Eles falaram que estão cansados de serem enganados, de verem seus direitos irem por água a baixo, pois é fácil ir pra televisão e jornal e falar que a policlínica vai ser inaugurada, mais por que não falam a data da entrega para o funcionamento da policlínica, isso é brincadeira.

Segundo os militares, eles podem ter uma surpresa com essa policlínica, o que faria com que o sonho de uma saúde digna para eles e suas famílias, caia por água abaixo e torne ao invés de sonho, um grande pesadelo.


Comentário:

Agora para quem coloca sua vida em risco para defender uma população, que não sabe o que o militar vive no seu dia a dia, as vezes criticados, humilhados, ninguém quer saber o que aquele militar tá passando.

Mesmo com suas dificuldades, eles vão  para as ruas para encarar o seu trabalho, deixando em casa sua família desguarnecida, mais nunca deixando de dar proteção as famílias dos outros, até mesmo de bandidos, deveriam ser tratados com um pouco mais de dignidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário