quinta-feira, 18 de agosto de 2011


Diarista é morta com 15 facadas dentro de casa em Cariacica e marido é suspeito do crime

 


Fotos Folha de Vitória



A faca utilizada no crime tem 31 centímetros de comprimento. A diarista Elda Eglésias Moreira, de 46 anos, foi assassinada com pelo menos 15 golpes. Segundo a polícia, o principal suspeito é o marido dela, o taxista Luiz Carlos França com quem a vítima morava há nove anos.

Uma amiga da vítima contou que as brigas entre o casal eram comuns e que Elda já havia sido agredida e, por diversas vezes, ameaçada de morte. "Uma vez a gente estava conversando na minha casa e ele falou que se fosse pra continuar daquele jeito ele preferia matá-la", afirmou a dona de casa que não quis ser identificada.

Elda tem duas filhas do primeiro casamento. A família acredita que o crime tenha sido premeditado, já que uma hora antes, Luiz Carlos ligou para uma das filhas de Elda aparentando estar alcoolizado e avisou que mataria a mulher.

"Pelo que me contaram, ele ligou para a filha dela e pediu que ela não deixasse a mãe vir para casa porque se ela chegasse, ele a mataria. A filha ligou para a mãe, ela não acreditou, veio para casa e o resultado é esse", contou a amiga da vítima.



Polícia encontra droga enterrada em quintal e prende sete pessoas em Cariacica.




Policias Militares da Rotam fecharam um ponto de vendas de drogas no bairro Sotelândia, em Cariacica, na noite da última quarta-feira (17). Na operação foram apreendidos um fuzil calibre 36, seis quilos de maconha ainda em tabletes e mais de 850 buchas já preparadas para serem comercializadas.
 
O ponto de vendas de drogas já estava sendo monitorado pelos policias há algum tempo. A droga estava enterrada no quintal de uma residência. Ao todo, sete pessoas foram detidas, entre elas seis menores com idades entre 14 e 17 anos.
 
Os policiais tiveram que chegar até a região de moto, porque o local da apreensão é um beco de difícil acesso. Na abordagem o grupo tentou fugir pulando muros de casas vizinhas e entrando em um mangue próximo ao bairro.  
"Sempre há correria. Na semana passada um dos menores se evadiu atravessando o mangue à nado, mas nós conseguimos pegá-lo do outro lado. Ele foi liberado porque não encontramos nada com ele. O GEO do 7º Batalhão já trocou tiros nesse mesmo local, provando que ali existem mais armas", disse o sargento Amorim.
Uma mulher foi assassinada a facadas dentro de casa na madrugada desta quinta-feira (18), no bairro Bela Aurora, em Cariacica. A polícia suspeita que o crime tenha sido praticado pelo próprio marido da vítima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário