sábado, 6 de agosto de 2011

Armas são apreendidas com frequência em Macaé.

O número de armas apreendidas em Macaé continua crescendo cada vez mais, mesmo que de forma mais lenta. Na maioria das vezes os objetos são levados para a 123ª DP devido a porte ilegal. 

Em outros casos, as armas são encontradas em operações realizadas pela Polícia Militar em comunidades onde existe a constante atuação do tráfico de drogas e também através de denúncias, onde os suspeitos fogem, mas deixam os materiais para trás.

De acordo com dados do Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro (ISP), em maio deste ano foram oito armas apreendidas, já em junho este número cresceu, mas não de forma significativa, e a polícia conseguiu apreender nove armas. 

Já em Rio das Ostras, município bem próximo, de um mês para o outro, o resultado foi bastante 
expressivo, apresentando uma diminuição de 50% no número de armas apreendidas.

De acordo com informações da Polícia Civil, na maioria dos casos é feita a apreensão de revóveres calibre 38 e 32 de marca Taurus, sendo estes os mais comuns na região e mais utilizados, principalmente por assaltantes que praticam os crimes na região central da cidade. 

Com novas medidas implantadas na segurança pública da cidade, o que as autoridades de Macaé esperam a partir de agora é reduzir esses índices e tranquilizar a população.


 
fonte: Vanêssa Cunha O Debate de Macaé.

Nenhum comentário:

Postar um comentário