segunda-feira, 25 de abril de 2011

Menor Preso com Drogas no Parque Prazeres e Assaltante Baleado Após Assalto e Mãe e Filho Presos em Guarus.

Fazendo seu patrulhamento de rotina, no Parque Prazeres em Campos, no inicio da noite desta segunda-feira 25/04, policiais militares do setor Golfe, ao passar pela rua "3" nas casinhas do HGG, abordaram um menor que estava em atitude suspeita.

Na abordagem, os militares que já conhecem o menor, perguntaram pra ele cadê as drogas. O menor levou os policiais até o local onde ele havia escondido. No local foram encontradas 46 buchas de maconha. O menor e a droga, foram levados para 146ª Dp/Guarus.

Assaltante Baleado no Centro Após Roubar Coletivo.

Um homem foi baleado na noite desta segunda-feira (25/04), durante uma tentativa de assalto, por volta das 20h40, na Avenida 28 de Março, em Campos. Dois homens chegaram um posto de combustíveis e abordaram um homem que estava em uma motocicleta Honda Biz, que não funcionou, pois estava sem combustível.

Uma viatura policial que realizava patrulhamento de rotina foi acionada e os policiais quando chegaram,  um deles teria apontado um revólver para os policiais, um dos PM´s percebeu a ação do assaltante,  acertou um tiro no braço e no peito de um dos suspeitos.

O suspeito ferido Juarez Ribeiro de 24 anos, morador em Goitacazes,foi socorrido e atendido no Hospital Ferreira Machado, onde passou por cirurgia ficando em observação médica, e posteriormente será encaminhado a 134ª Delegacia, para onde também foi levado seu comparsa, o Adálio Velasco Braga de 26 anos, morador no bairro da Codim em Guarus.



MÃE E FILHO PRESOS


Mãe e filho foram presos nesta segunda-feira (25/04), no Parque Santa Rosa, em Campos. Fagner Faria dos Santos, 21 anos e sua mãe, Celeste Ferreira Faria Ribeiro, 38 anos, eles são suspeitos de guardar drogas em casa.

O entorpecente seria de Frâncio Conceição Batista, o “Lolita”, que está foragido da Justiça. Na residência, foram encontradas casa, seis pedras de crack e duas espingardas, uma calibre 28 e uma calibre 12.

O mandado de busca domiciliar do Ministério Público Estadual (MPE) foi expedido pelo juiz, Paulo Assed, e cumprido pelos policias do GAT I comandados pelo Sargento Sá e GAT II (Grupo de Ações Táticas) comandados pelo Sargento Azevedo e policiais do Serviço Reservado da PM (P2).
fonte: Ururau/Redação A Cidade Contra O Crime

Nenhum comentário:

Postar um comentário