segunda-feira, 11 de abril de 2011

Campos: Aluno supostamente armado gera pânico em escola de Guarus

Os alunos e professores da Escola Municipal Fernando Andrade,  em Campos, viveram momentos de tensão na manhã desta segunda-feira (11/04). Um aluno, de 13 anos, que já havia agredido uma colega de turma há dois meses, tentou retornar a escola e como a direção exigiu que ele só se apresentasse junto com um responsável, ele tentou entrar a força, chutando o portão e ameaçando as pessoas. Alunos disseram que ele estava armado, o que gerou pânico, não só na escola, mas também na vizinhança.

A direção da escola, que fica no Parque Guarus, acionou a Polícia, que foi ao local e realizou buscas, mas o menor não foi encontrado na residência onde mora com sua avó.

A Secretária de Educação, Joilza Rangel e a de Família e Assistência, Izaura Freire estão na escola. Na época da agressão, o caso foi registrado na delegacia e o Conselho Tutelar foi acionado.


Pânico Dentro e Fora da Escola.

Dentro da escola as crianças entraram em pânico. Quando começou a discussão no portão,  algumas crianças precisaram ser levadas para casa por funcionários da escola, pois não conseguiam parar de chorar, uma criança chegou a urinar na roupa, temendo que o garoto matasse os alunos, como aconteceu na tragédia de realengo esta semana, quando um ex-aluno entrou na escola e matou 12 alunos a tiros.


Apreendido aluno que teria tentado entrar armado em escola, em Campos.

O menor foi apreendido à pouco na Avenida Beira Lago em Guarus. No local, os policiais não conseguiram achar a suposta arma usada pelo mesmo para amedrontar a Professora e Diretora da escola. Ele foi levado para 146ª Dp/Guarus.

fonte: Ururau

Nenhum comentário:

Postar um comentário