quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Tio confessa assassinato de Jovem encontrada morta em Varre-Sai.


Arquivo
Polícia Civil resolve caso da adolescente encontrada morta nesta quarta-feira (11/10), em Varre-Sai, no Noroeste Fluminense.

De acordo com a polícia, um homem, que é casado com a tia da vítima, assumiu que cometeu um crime passional.

O nome do suspeito está sendo preservado para não prejudicar as investigações.

Segundo o delegado da Polícia Civil de Natividade, Gesner Bruno, na noite desta terça-feira, o tio da adolescente foi chamado à delegacia para prestar esclarecimentos sobre o crime, mas ele entrou em contradição.

“O tio da adolescente foi chamado para depor como testemunha do crime, mas todas as informações que ele passou para a polícia durante seu depoimento, não batiam com nossas investigações, diante de tantas contradições, ele acabou confessando e assumindo ser o autor do crime”, disse.

CONFISSÃO

O delegado explicou que durante a confissão, o tio da vítima deu detalhes do crime.

“Ele disse que no dia do crime estava ensinando a adolescente a dirigir, e eles estariam seguindo para um local escondido, onde teriam um encontro amoroso, porém, quando ela começou a retirar a roupa, ele afirmou ter sido cometido por uma loucura momentânea, pegou uma faca que estava com ele e golpeou a jovem.

Ele disse que matou por amor, mas afirmou que não teve relações sexuais com ela”, explicou o delegado.

A Polícia Civil de Natividade já enviou um pedido de  prisão preventiva para o Juiz de plantão na região, e aguarda uma definição para o caso.

Ele não está preso porque não houve flagrante. 

RÁDIO ITAPERUNA AM 1410

Nenhum comentário:

Postar um comentário