segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Aliás! a mulher que foi presa neste final de semana, Marinalva Rodrigues de Oliveira de 33 anos, que estava intermediando a venda de uma casa do Projeto "Morar Feliz" da Prefeitura de Campos, no bairro do Novo Jóquei, vai ter muito o que falar com relação a esse episódio.

Quem liberava a casa para a venda?

Como era feitoo esquema para entrega da casa?


Quantas pessoas participavam desse esquema?

Tem a participação de políticos no esquema?


Quantas casas ele intermediou para venda?


O esquema era só no Novo Jóquei, ou tinha também em outros bairros?


Com a palavra a Secretaria de Familia e Ação Social, o Ministério Público e a Polícia, que em pouco tempo, após uma fiscalização rigorosa nas pessoas que foram contempladas com as referidas casas do projeto, e que não moram, ou venderam e alugaram, desbaratar essa quadrilha, que vem se beneficiando do esquema ilegal de venda, e aluguel das casas populares em Campos.


Agora foi a vez das casas populares, quando será a do cheque cidadão? Aguardem cenas do próximo capítulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário