quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

REFERENTE Á REPORTAGEM DO CAOS NA POLICIA MILITAR - EM CAMPOS E RJ.




Não se pode deixar de pensar que a iniciativa e resultado da mobilização dos Bombeiros, sem sombra de dúvidas, deve ter inspirado militares a se posicionarem, efetiva e firmemente, em proteção aos interesses de sua categoria, bem como com a urgente necessidade de se separar o joio do trigo.

Afinal, para nós, civis, chegam apenas às reportagens veiculadas e que, se não isenta de interesse pessoal, pode desmerecer e atuar em desfavor de uma categoria tão visada. Entretanto, já passou da hora de vocês, policiais militares, agirem em proteção não apenas dos interesses remuneratórios, como também da imagem da categoria.

De certo que a todo serviço há de ter a correspondente remuneração. No caso dos policiais militares, além de a própria v ida estar em risco, a todo instante, o nome pessoal, sua identificação funcional, a segurança de seus amigos e familiares, tudo, enfim, relacionado a cada um dos policiais, está sempre na mira dos "opositores', aqui entendido todos aqueles que vivem à margem da lei.

De se comentar com grande repúdio, que é inaceitável que um policial militar tenha por remuneração inicial, algo em torno de R$ 1.000,00, para colocar em risco todos esses bens personalíssimos.

Também não se pode entender que desenvolvida uma escala de trabalho de 24 x 72 hs, passem os mesmos, já miseravelmente remunerados, a trabalhar jornada excessiva, sem o necessário descanso, tão menos, a correspondente remuneração, com a modificação na escala acima mencionada, que já ultrapassa em 04 (quatro) horas, as 44 estabelecidas em lei específica, para a implantada, de 24 x 48 hs.

O trabalho é difícil, os procedimentos no desenvolver das atividades dos policiais militares são tão rigorosos e visados, como os convites que recebem para confraternização.

Ora, ora! Onde já se viu CONFRATERNIZAÇÃO com ameaça de punição, na ocorrência natural de ausência?

Policiais Militares:

LUTEM E CUIDEM DOS SEUS INTERESSES, COM FORÇA LEGAL E ATRAIAM A OPINIÃO PÚBLICA PARA OS DISSABORES DE SUA CATEGORIA, PARA QUE POSSAM CONTAR COM O APOIO DE QUE, EFETIVAMENTE, PRECISA DE VOCES: NÓS, A POPULAÇÃO!
Não se intimidem com o sistema de militarismo, porque acima está a Constituição Federal do Brasil, que recepciona os demais Diplomas Legais e Regimentos, no que não a contrariem e lá está, em assegurado, a proteção à vida, à dignidade da pessoa humana e do trabalho efetiva e correspondentemente remunerado, sendo indisponível o merecido descanso!!!

Verônica Quintanilha Barros Maciel - Advogada e absolutamente contrária à qualquer tipo de INJUSTIÇA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário