sexta-feira, 27 de abril de 2012

Operação " Integração " mobiliza mais de 200 policiais Civis e militares e ainda Helicóptero em Campos para combater o tráfico de drogas.

Foto: Divulgação.
A Polícia divulgou o balanço da Megaoperação Integração, que teve a participação de 200 policiais militares e civis, além de agentes do Grupo de Apoio à Promotoria (GAP) e apoio operacional de um helicóptero da Polícia Civil, deflagrada na manhã desta sexta-feira (27), em Campos. Com o objetivo de combater o tráfico de drogas, dois homens foram presos, entre eles o chefe do tráfico de drogas da Baleeira, além de cumprimento de 37 mandados de busca e apreensão. Apesar de todo o aparato policial, nenhum material ilícito foi apreendido na “Integração”.

Dois homens foram presos na Comunidade da Baleeira, no Bairro do Caju, entre eles Wellington da Silva Pinto, 35 anos, o Bin Laden, que de acordo com a Polícia seria o chefe do tráfico de drogas no local. Contra Bin Laden existem três mandados de prisão: um por homicídio e dois por tráfico de drogas. O outro preso é Wagner Ribeiro Carvalho, que estava com um mandado de prisão expedido contra ele pelo crime de porte ilegal de arma.

Durante a megaoperação, os policiais retiraram barricadas (obstáculos improvisados com móveis, galhos de árvore, entre outros), na Rua Joaquim Suma, em uma das entradas da Baleeira, que têm o objetivo de impedir o acesso da Polícia à comunidade.

Participam da megaoperação a delegada titular da 146ª Delegacia de Polícia (DP/Guarus), Carla Conceição Guimarães Tavares de Lima; o delegado titular da 134ª DP/Centro, Luís Cláudio Cruz; o comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar de Campos (BPM/Campos), tenente coronel Lucio Flavio Baracho de Souza; além do promotor público Leandro Manhães de Lima Barreto. 

A operação contou ainda com policiais civis da 134ª DP/Centro e da 146ª DP/Guarus e policiais militares do 8º BPM, 29º BPM/Itaperuna e 36º BPM/Santo Antônio de Pádua.

Um comentário:

  1. 1h após a operção as barricadas já fora recolocadas pelos traficantes...

    ResponderExcluir